14 de abril de 2016

Resenha: O Escaravelho do Diabo

Autor: Lúcia Machado de Almeida
Série: Coleção Vaga-Lume
Editora: Ática/Abril Educação
ISBN: 9788508001033
Ano: 1985
Páginas: 128
Avaliação: ★★★★★
Sinopse: Se você é ruivo e recebeu um escaravelho, cuidado! É o alerta que Alberto, aluno da Faculdade de Medicina, dá aos habitantes de Vista Alegre, depois da morte de Hugo. Com esse crime teve início uma terrível série de assassinatos.Mas o que não falta na cidade são cabelos vermelhos: Clarence, Maria Fernanda, padre Afonso, quem pode ser a próxima vítima? E qual a relação entre ruivos e escaravelhos? O que poderia estar pro trás de tudo aquilo? É o que o estudante precisa descobrir antes que aconteça novo crime.



 Um dos principais livros da clássica Coleção Vaga-lume, sucesso nos anos 80 e 90 que reunia excelentes obras nacionais, O Escaravelho do Diabo é a resenha vez!

 Quando o irmão de Alberto, Hugo (ou Foguinho, como era conhecido por todos) recebeu pelo correio uma encomenda misteriosa, ele nem imaginava que estava sendo marcado para morrer, algo que veio a findar horas depois quando Foguinho foi encontrado, pelo seu irmão, morto com uma espada fincada em seu peito.

 Estava aberta uma sequencia de assassinatos que assustaria não só Alberto mas toda cidade de Vista Alegre. Levou-se um tempo para perceber padrões nos assassinatos: Além das futuras vítimas serem normalmente ruivas, eles recebiam a misteriosa encomenda pelos correios com o mesmo conteúdo: Um pequeno escaravelho. Alberto passa a integrar a equipe que busca resolver e solucionar o caso e, enfim entender e prender o assassino.


 Se você tem 20, 30 anos, provavelmente já ouviu algum comentário (positivo, necessariamente) referente a este livro. E ele realmente faz jus a tal fama. A história de O Escaravelho do Diabo é simples, objetiva e entretêm facilmente.

 De principio temos uma ambientação perfeita para uma série de crimes: uma cidadezinha com poucos habitantes, ainda com uma certa inocência instalada pela cultura do lugar (e pela sua época). Além disso, os personagens são sempre bem desenvolvidos, o que favorece a ligação história-leitor.

 Outros dois pontos importantes que ajudam no desenvolvimento da trama: Um é o fator tempo: A história não se passa da noite pro dia, ela navega por anos, desde o seu início até sua finalização. O outro é algo que aprecio bastante em livros desse âmbito policial: Não fazer ideia em nenhum momento de quem pode ser o responsável pelos crimes, apesar de deixar dicas implícitas que só depois que já sabemos o final compreendemos.

 Pode-se dizer que O Escaravelho do Diabo marcou época e que, como todo bom clássico, atravessará gerações (meu primeiro contato com o livro foi apenas no início de 2016). Altamente indicado a todos e 5 estrelas na conta!

~~~

 Bônus: Hoje (14/04), está sendo lançado nos cinemas de todo Brasil a adaptação do livro. Algumas modificações visíveis foram feitas (como Alberto ser uma criança - ?) mas só assistindo para conferir. Este é o trailer:

4 comentários:

  1. Olá!
    Estou doida para ler o livro e assistir ao filme! Esse foi um dos que não li na minha infancia. Coleção Vaga Lume é tudo de bom <3
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas - MEGA SORTEIO DE ANIVERSÁRIO! LANÇAMENTO STEPHEN KING + TIMOTHY ZAHN E RENATA VENTURA AUTOGRAFADOS!

    ResponderExcluir
  2. O Escaravelho do Diabo com certeza é um dos maiores classicos da coleção vaga-lume.
    Não lembro muito bem da estória, então ainda pretendo reler o livro. Ainda mais agora que está sendo lançado a adaptação.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. boa resenha.

    http://www.vestigiodelivros.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada dessa coleção vagalume :( desconhecia o título até virar filme, darei uma conferida em breve.

    Abs

    http://tediosoc.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...