25 de setembro de 2015

Resenha: O Vampiro Imperador

Subtitulo: Da Destruição de Sodoma ao Incêndio de Roma
Editora: Novo Século
Autor: Leonardo Barros
ISBN: 978-85-428-0596-3
Ano: 2015
Páginas: 400
Compre: Saraiva | Amazon
Avaliação: ★★★★★
Sinopse: Drucila é uma linda jovem romana, casada com o médico do imperador Nero. Diante da ausência do filho, ela entrega-se a um culto proibido de fertilidade, ato que inicia sua ruína e tem relação com sua transformação em vampira. Ciente de seu poder, ela resolve dominar Roma e não mede esforços para consegui-lo. As intenções de Drucila só poderiam ser ameaçadas por Dotan, um ser imortal como ela. Em noites de lua cheia, esse general de confiança de Nero prende a si mesmo a fim de evitar que o lobisomem, criatura que se tornou há milhares de anos, domine-o. No entanto, quando Dotan se vê diante de uma Roma guiada por energias maléficas, ele engendra sua força para tentar salvar o povo da perseguição e da tirania. O derramamento de sangue se torna um pesadelo constante. A cidade caminha, a passos rápidos, para um longo período de escuridão. Traições, jogos de poder e lutas épicas enredam essa engenhosa aventura que põe em conflito a busca pelo bem e o desejo, às vezes incontrolável, pelo poder e pela luxúria.

 Em O Vampiro Imperador mergulhamos de cabeça no passado. A priori, a narrativa nos leva ao ano de 3000 a.C., dia da destruição de Sodoma e da festa em celebração a Hanni-bal (que nome sugestivo, não?). Foi nesse dia festivo e exótico que Dotan e Vered decidem sair da cidade, mas são impedidos por... Vampiros! Não bastasse isso, Dotan foi transformado em lobo. Não, essa não será uma mera história de Lobisomens x Vampiros... 

 Muuitos anos depois daquele evento e d.C., Dotan, o homem-lobo, agora trabalha e é um dos homens de confiança do imperador Nero e não tem lembranças (conscientes) de seu passado, levando uma vida relativamente tranquila com seu filho Lucius. Sua maior luta é para ocultar a fera que há dentro de si. 

 Do outro lado da história nos apresenta Drucila, uma bela jovem que sonha em ter um filho com seu marido Emilianus, mesmo que ele não a cobrasse isso. Havia algo de errado entre o casal e por isso, ela não consegue ter o seu filho, tornando o seu sonho uma grande e perigosa obsessão. Obsessão essa que, depois de uma bebedeira e péssimos conselhos, Drucila deita-se com um dos seus escravos (e não é só isso!), algo que não é perdoado por seu marido quando descoberto. Agora mal falada, prostituta, doente e jogada ao nada esperando a morte chegar, ela recebe uma oferta "dos deuses" (Plutão, deus do mundo inferior na mitologia romana) e, sem que perceba, torna-se uma vampira sedenta de sangue, poder e vingança. E claro, seu sonho não foi esquecido. 


 Uma verdadeira e sangrenta luta entre vampiro e lobo está para [re]começar. 

 Em mais uma história peculiar, Leonardo Barros conseguiu criar uma fantasia mistica que não morre apenas no "feijão-com-arroz", mas que transporta e imerge o leitor a anos e mais anos atras com cada capítulo do livro.

 Confesso que não esperava gostar tanto do livro. O Vampiro Imperador é uma obra sensual e misteriosa, que prende não só pelo contexto que a obra se apresenta, mas o estilo de escrita que o autor impõe e pelas ótimas sequencias de cenas. 

 Claro, nem tudo são flores, já que alguns personagens não me agradaram, por exemplo. Por falar nisso, é evidente que viveremos uma história de amor e ódio com Drucila. Em alguns momentos, principalmente no inicio do livro, ela me remeteu diretamente a personagem Fantine de 'Os Miseráveis', por sua trajetória nada agradável. 

 De estrutura física, dois pontos favorecem o livro: a sua lindíssima capa e a separação de capítulos, que não são longos. Me vi por várias vezes pensando "só vou ler mais um capitulo" e terminava lendo mais três, quatro... 

 Uma dica para ler O Vampiro Imperador: Deixe-se viajar com a enredo. Não espere coisas dentro do padrão "politicamente correto" e realista, ainda que tenha bastante referencia histórica. É um livro fantástico e surpreendente que prende do começo ao fim. Literatura nacional mais que indicada. 

2 comentários:

  1. Olá!
    Ótima resenha!
    Nossa, estou encantado com o livro! Da premissa tenebroso à capa belíssima!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente livro Kaio. Vale a pena conhecer mesmo.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...