21 de agosto de 2015

Resenha: Finalmente Famosa

Subtítulo: Até Onde Você Iria em Busca de Celebridade?
Autor: Mayra Dias Gomes
Editora: Record
Ano: 2015
Páginas: 208
ISBN: 978-85-01-10483-0
Avaliação: ★★★★
Sinopse:  Filha do dramaturgo Dias Gomes, a carioca Mayra Dias Gomes teve sua carreira deslanchada após escrever aos 17 anos seu primeiro livro, Fugalaça, uma polêmica e pungente mistura de ficção com autobiografia. Agora a escritora lança seu terceiro livro, o suspense Finalmente famosa, inspirado em um assassinato real ocorrido em Hollywood. Fascinada pelo gênero, Mayra pesquisou sobre lugares “mal-assombrados” de Los Angeles para contar a história de Sophia Young, atriz de cinema que cai no ostracismo ao se envolver em um escândalo com o ex-marido. Após sair da prisão, ela vai morar em um prédio na Calçada da Fama que abrigou Charlie Chaplin, Fatty Arbuckle e Rudolph Valentino e outros astros do cinema mudo, mas que guarda a fama de ser habitado por fantasmas. É ali que ocorre o crime que colocará Sophia em uma viagem pelos lugares mais assustadores da capital do cinema. Finalmente famosa é um eletrizante suspense sobre o lado obscuro de Hollywood, onde vale tudo para se tornar uma celebridade.

 Finalmente Famosa, livro da Mayra Dias Gomes, narra a trajetória de Sophia Young, uma mulher que viveu toda "maravilha" que o estrelato podia proporcionar em Hollywood e hoje não passa de uma ex-celebridade em decadência. Tudo começou a ruir depois do inicio-e-término do casamento dela com o ator hiper sucedido Anthony Faustini. Um casamento regado de traições e mentiras por parte dele, e acarretou numa ação totalmente impensada de Sophia, colocando-a atras das grades.

 Ela tenta levar a sua vida normalmente (dentro do possível) até que sua vida, já não tão boa, sofre outra reviravolta: um assassinato em seu prédio faz todos os fantasmas do passado ganharem vida novamente.


 A obra é viva. A autora desenvolveu uma narrativa que assemelha-se a uma autobiografia da personagem, já que em poucas conseguiu transmitir toda a sua jornada de uma mera sonhadora a uma sub-celebridade que caiu no esquecimento.

 Ela poderia ser mais uma na multidão, com o mesmo sonho que muitas garotas, mas conseguiu ganhar destaque. Mas aquela história de sempre querer mais foi o que de fato a derrubou. A ambição falou mais alto que a razão.

 Em alguns momentos achei um tanto exagerado o teor dramático do enredo, levantando a questão "oh mulher sofrida, hein?!" Nada que desmereça o desenvolvimento. A história vai se desenrolando sem pressa, numa narrativa que envolve mas que ao mesmo tempo aparenta ser uma "viagem" em pensamentos de Sophia. 

 O final surpreendeu e muito. Sério! Não foi um desfecho perfeito, reconheço, mas conseguiu transpor para as páginas do livro toda a essência do que ele foi. 

 Não é uma obra muito extensa e por isso não há muito o que ser dito. Foi uma leitura diferente que conseguiu ser simples e ao mesmo tempo perturbadora. Se não é excepcional é uma obra que merece ser lida e apreciada.



Parceria: Grupo Editorial Record

2 comentários:

  1. É o tipo de livro que pode divertir bastante, mas que, se não for bem trabalhado, decepciona em muitos fatores. A história me lembrou um livro do Sidney Sheldon: Depois da Escuridão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente isso. Não é nada grandioso mas vale a pena ler. É original, apesar do tema parecer que não.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...