19 de dezembro de 2014

Resenha: Extraordinário

Título Original: Wonder
Editora: Intrínseca
Autor: R. J. Palacio
ISBN: 978-85-8057-301-5
Ano: 2013
Número de páginas: 320
Avaliação: ★★★★
Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.








 Seria pretensioso um livro carregar um nome tão forte assim? Extraordinário teria por obrigação fazer valer esse título e de fato, faz.

 August Pullman é um garoto normal no que se diz respeito seu interior. Gosta de video-games como qualquer outro garoto de sua idade, gosta de jogar bola como qualquer outro garoto de sua idade, gosta de filmes (Star Wars, principalmente - já começou bem!) como qualquer outro garoto de sua idade... Mas, por que ele é o alvo de olhares desconfiados e cheios de coitadismos em sua direção? Simples: A sua aparência. Ele nasceu com uma síndrome genética que desfigurou toda sua face, fazendo-o passar por MUITAS cirurgias para tentar minimizar aquela anomalia.

Se eu encontrasse uma lâmpada mágica e pudesse fazer um desejo, pediria para ter um rosto comum, em que ninguém nunca prestasse atenção. Pediria para poder andar na rua sem que as pessoas me vissem e depois fingissem olhar para o outro lado."
Página 11
 Diante desse fato e da vidente dificuldade de aceitação dele na sociedade, Auggie cresceu em casa (claro que não todo o tempo) e aprendeu a conviver com aquilo. Seus pais e sua irmã, Via, também se adaptaram a August. Mas de acordo com o tempo que não para, Auggie teria que enfrentar um desafio "tenebroso" para ele, já com dez anos de idade: A escola. Um novo mundo nunca antes explorado por ele, novos amigos, novos olhares, novos receios. A partir dali temos grandes lições de vida, independentemente de quem sejamos e de como estamos.


 Primeiro passo para ler Extraordinário é se livrar de qualquer amarra que você possa ter por genero literário, autor, capa do livro, etc... Leia sem julgamentos. E, por falar nisso, quantas vezes você já julgou alguém pela aparência, conscientemente ou não? Inúmeras, posso garantir. Essa é uma das lições que temos com o livro. Auggie apesar de uma deformidade terrível em sua face consegue ser um garoto tão divertido, inteligente hiperativo e alegre como qualquer outro em perfeito estado de saúde. 

Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil."
Página 55

 A história é narrada pelos mais diversos pontos de vista dos personagens (quase todos, para falar a verdade), mas sempre focados na história do garoto, sendo como o conheceram, como é a convivência com ele, as aventuras, etc.  E, a proposito, cada personagem tem sua devida importância, tanto para a vida do garoto quanto para a construção do livro, o que fez com que a autora explorasse muito bem cada um deles. A história é leve e descontraída, até nos momentos de tensão, o que faz com que a leitura flua muito rápido. O clichês (meu maior medo) não são tão evidentes assim.

 Mesmo que o livro não seja a obra das obras, é inevitável terminar de lê-lo e não refletir sobre certas atitudes que temos para com o outro (involuntariamente ou não), sobre o que podemos ser, enfim. Rever seus conceitos, por assim dizer. Extraordinário é realmente bom. Melhor do que esperava, inclusive. E por isso, indico a leitura para todos, sem exceções.

Toda pessoa deveria ser aplaudida de pé pelo menos uma vez na vida, porque todos nós vencemos o mundo."
Página 313

14 comentários:

  1. Uma das minhas leituras favoritas do ano! Extraordinário conseguiu me encantar demais, pela simplicidade do livro, pela coragem do Auggie e pelas enormes e maravilhosas lições que tiramos desse livro.
    Foi uma leitura surpreendente e maravilhosa, que eu indico para todos de todas as idades!
    Amei sua resenha, parabéns!!! Beijos,
    Thousand Lives to Live <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a autora criou um personagem e uma história cativante! Obrigado :)

      Excluir
  2. Adorei a resenha! Esse é o tipo de livro que todo mundo deveria ler.

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oii Carlos, eu li esse livro a adorei, apesar de não aquelaa história incrível. Mas é um livro muito bacana sim, abre espaço pra inúmeras reflexões bem legais.
    Gostei da resenha, um abraço
    Oficina do Leitor / Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo. Apesar de um tanto bobinho, eu curti o livro :)

      Excluir
  4. Ah, meu queridinho <3 eu simplesmente adoro esse livro, tenho tantas boas recordações quando olho para ele, um sentimento tão bom!
    Gostei muito da sua resenha e do blog também, inclusive já estou seguindo :)
    Beijos.
    Se puder, dá uma olhadinha no meu blog: Blog Palavrear-se :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou conferir o seu. Seguindo lá também ;)
      Obrigado.

      Excluir
  5. Oi Carlos, como vai?
    AMEI sua resenha!
    Também adorei esse livro, e concordo com a sua opinião. Pra mim o ponto alto são os diversos pontos de vista, que no começo imaginei que atrapalhariam a leitura, mas que nada! Só torna o livro mais encantador.


    Um abraço,
    http://winterbird.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu gostei bastante disso. Não foca só no Auggie, dá pra saber o que as demais pessoas pensam de fato sobre ele.

      Excluir
  6. Ainda não li este livro, mas ele parece ser tão booom!
    Espero ler ele em breve!!
    Bjoss

    http://fotografiaeleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece e é. Apesar de não ser tão grandioso assim, tem seus méritos :)

      Excluir
  7. Oi, tudo bom?
    Estou doida para ler Extraordinário, to esperando ganhar ele de natal... rsrsrs

    Sua resenha ficou ótima!

    Beijos,
    Juh ~ http://umminutoumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...