15 de março de 2014

Resenha: A Última Casa da Rua

Título Original: House at the End of the Street
Autores: Lily Blake, David Loucka, Jonathan Mostow
Ano: 2012
Editora: Id Editora
Páginas: 184
ISBN: 9788516072902
Avaliação: ★★★
Sinopse: Em busca de uma nova vida, a jovem Elissa e sua mãe encontram a casa dos sonhos em uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos. A cidade tem um mistério. Um assassinato aconteceu bem na casa ao lado. Uma garota matou os pais de forma brutal e desapareceu. Hoje, quatro anos depois, apenas Ryan, o misterioso irmão mais velho, mora sozinho naquela mesma casa, sombria e esquecida no tempo. Indo contra tudo e contra todos, Elissa acaba se envolvendo amorosamente com o estranho rapaz. O que ela não sabe é o quão perigoso esse jogo pode se tornar...


  Elissa estava levando uma vida nada legal nos últimos meses em Chicago: o divórcio de seus pais foi o principal impulsionador disso. A cada dia que passava, seu pai e xodó não mais a procurava com a mesma frequência e ela estava cada vez mais distante de sua mãe.

  Para tentar dar uma reviravolta em suas vidas turbulentas, Sarah (mãe de Elissa) decidiu alugar uma casa num subúrbio de Seatle, buscando um recomeço e maior aproximação da sua filha. A adaptação aquele lugar foi rápida até demais

  Tudo normal, não fosse a má fama de uma das casas vizinhas a sua nova residencia: Há quatro anos, uma garotinha caiu do balanço enquanto brincava, batendo gravemente a cabeça no chão, fato este que deixou graves sequelas na criança. Depois disso, ela passou a ter crises de "loucura", fazendo os pais abdicarem de tudo para cuidar dela. Seu irmão mais velho foi mandado para morar com a tia e eles largaram o emprego. Num desses ataques psicóticos, ela assassinou os pais com um martelo, fugiu para a floresta e nunca mais foi vista. Hoje, quatro anos mais tarde, seu irmão voltou a morar sozinho naquela "casa mal-assombrada".

 Mesmo desprezado por todos, Elissa logo descobre o lado bom de Ryan, tornando-se então sua única amiga, ainda que uma aura de mistério e segredos rodeassem o rapaz. É nesse ritmo que a estória começa a ganhar corpo e aos poucos as coisas tornam-se perceptíveis e eletrizantes. O contrário do que muitas pessoas creem, não há nada de sobrenatural nesse livro mas sim um "terror" psicológico (suspense), que convenhamos geralmente prende muito mais do que o terror propriamente dito.

  Ainda que desenvolva-se muito rapidamente e tenha um contexto meio vazio e diálogos mornos, é um enredo interessante principalmente quando os segredos do passado de Ryan e sua irmã começam a ser revelados. O livro é uma adaptação do filme homônimo e não sei dizer se isso contribuiu para ser um dos poucos casos que o "filme é melhor que o livro", especialmente por vermos os sentimentos (mais diversos) dos personagens sendo expostos pelos atores, coisa que só acontece no livro através de Elissa, fazendo dos demais algo mecanizado. 

  Livro curto que pode ser lido em poucas horas e que não é ruim, porém nada demais. Quatro estrelas pela ação, duas pelo desenvolvimento e média três pela obra como todo. 

9 comentários:

  1. adorei sua resenha, principalmente seu critério para dar a nota, parabéns

    ResponderExcluir
  2. Já vi o filme, e agora que li a resenha do livro, já quero levar pra mim >3< Boa resenha, se o filme é ótimo, imagine o livro ♥
    Abraços do Panda~
    http://panda-blogueiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu quero ler esse livro, exatamente por ter amado o filme. A Jennifer está perfeita e o final, o que é aquilo?

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Acredita que eu não tenho tanta curiosidade para ler esse livro? Sei lá, ele me parece prometer muito e não ter nada demais, sabe?
    Enfim.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  5. Carlos, não achei a proposta do livro muito inovadora. Saber dos aspectos dele me fez atestar que não trás nada demais... coisa que você bem citou, inclusive. Enfim, não me chamou a atenção.
    Adorei seus comentários.

    Um abraço!
    http://universoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Tá na minha wishlist há tempos e não vai sair de lá nem tão cedo. Tenho essa impressão de não vai ser nada demais, como você falou. Ainda não vi o filme, se eu gostar dele, aí talvez eu compre.

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o que eu aconselho, veja o filme primeiro. Tenho quase certeza que se não tivesse feito isso, ia detestar o livro, que repito, não é ruim.

      Excluir
  7. Eu devo ser uma das únicas pessoas que acha isso, mas não curto a Jennifer (acho que é assim que escreve o nome dela). Sei lá, acho ela chata e forçada. Mas antes dela fazer esse sucesso todo eu já não tinha interesse no livro e, muito menos, no filme. Sem contar que tento fugir das publicações da ID pq não curto o trabalho deles.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Voltei srsr
    Eu não gostei do filme. Graças a Deus que o vi antes, pois obtive a certeza que odiaria o livro kkkkk Achei chatinho demais, e a atuação da Jenn nem se compara a linda Katniss <3

    Dessa editora só tenho vontade de ler um livro, o Elixir, da Hilary Duff, pois foi muito bem recomendado por uma amiga.

    Bjokas
    http://omarcapaginas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...